No Fap September: Por Que Devo Fazer Isso?

❤️Compartilhe!

Provavelmente você já ouviu falar do termo “no fap september“. O que é isso? Eu devo seguir esse plano? Você entenderá tudo neste artigo.

⚠️O assunto deste artigo aborda assuntos não direcionados para crianças.

Fap” é a palavra escolhida para representar a masturbação. Refere-se ao som que é emitido ao realizar o ato. Traduzindo, não literalmente, o termo “no fap september“, temos “setembro sem masturbações“.

Assim como o famoso “setembro amarelo“, onde as pessoas buscam maior conscientização sobre saúde mental, o “no fap september” busca estimular, principalmente nos jovens, o cessar da masturbação por 30 dias, isto é, setembro inteiro.

Consequências

Cara, Homem, Pessoas, Sombrio, Sombra

A masturbação não é uma prática mentalmente saudável. Antes de entrarmos no âmbito cristão, é válido considerarmos as consequências desastrosas, segundo a ciência, de uma rotina onde se tem a masturbação juntamente com a pornografia.

A prática excessiva da masturbação pode cooperar com a ejaculação precoce, uma vez que o cérebro pode entender que, durante o ato, quanto mais rápido chegar ao orgasmo, melhor. A verdade é que ninguém quer levar 30 segundos ou menos para “chegar lá”. Isso pode ser prejudicial em um casamento, por exemplo.

Por outro lado, quando a masturbação se torna excessiva e o homem sempre ejacula muito rápido, ele acaba desenvolvendo um reflexo ejaculatório que pode, mais tarde, se transformar em uma ejaculação precoce.

Caio Vega – omens.com.br

Geralmente, quem se masturba, deseja ver pornografia. Dificilmente uma coisa não está ligada à outra. A pornografia consegue ser ainda mais destrutiva que a masturbação.

Seu cérebro registra inúmeras informações ao longo do dia, principalmente os estímulos que despertam alguma emoção ou excitam o sistema nervoso. Enquanto você assiste pornografia, seu cérebro guarda cada imagem e som.

Quando sua mente se enche dessas coisas, inevitavelmente você enxerga pornografia em tudo. A mente tenta desvendar o corpo de cada mulher ao passo que a imaginação simula sexo com pessoas estranhas com certa frequência. O cérebro facilmente se vicia neste mundo sujo e ilusório.

Aqueles que acham que o vício em pornografia some como em um passe de mágica após o casamento, estão totalmente enganados. Por mais que o sexo seja prazeroso e satisfatório, sua mente desejará coisas parecidas com as vistas nos vídeos pornográficos.

Nesses vídeos há atores profissionais, em muitos casos, drogados. Sim, é fato que muitos desses atores ingerem substâncias antes das gravações para ter melhor desempenho. O sexo dentro de um casamento saudável não é repleto de agressividade como nos vídeos e a performance do casal é bem diferente.

Mulheres precisam de muito carinho antes, durante e depois da “hora H”. Isso não é, nem de longe, mostrado nos sites proibidos para menores. Os jovens, em geral, não sabem disso.

Perceba a equação destrutiva: sexo ilusório + prazer rápido = frustração com o casamento e baixo desempenho sexual. As sequelas podem perseguir o indivíduo por toda a vida. Quanto antes desenvolvermos controles nessa área, melhor seremos.

No Fap: No Âmbito Cristão

livro em cima da mesa e corpo de água

Por mais que na Bíblia não encontremos versos condenando a masturbação, basta buscarmos o Espírito Santo para entendermos que tal prática não agrada ao Senhor. Nossos órgãos genitais não foram feitos para isso. Saiba que o Pai jamais apoiaria uma prática autodestrutiva como essa. Se esse parágrafo não o(a) convencer, busque ao Senhor você mesmo(a) e aguarde pela resposta.

Quanto à pornografia, sabemos que desejar outras pessoas fora da aliança conjugal é pecado. Além disso, as comparações entre os atores e atrizes pornô e o cônjuge podem surgir, não somente em relação aos corpos, mas também ao desempenho. Isso pode trazer sérios problemas para a intimidade do casal.

“Vocês ouviram o que foi dito: ‘Não cometa adultério’. Eu, porém, lhes digo que quem olhar para uma mulher com cobiça já cometeu adultério com ela em seu coração.”

Mateus 5:27-28

No Fap: Devo Entrar na Campanha?

Não somente em setembro, mas no resto do ano também. A masturbação leva à pornografia. A pornografia leva ao vício. O vício leva à destruição. Você realmente quer viver aprisionado nessas práticas? Vencer esses vícios é uma intensa luta e as sequelas são variadas. Não vale a pena!

Como Vencer o Vício?

Assim como o hábito de mentir, comer desenfreadamente, fumar e tantos outros hábitos autodestrutivos e pecaminosos, o vício em masturbação pode ser vencida através da busca por Deus em conjunto com o apoio de pessoas maduras.

O primeiro passo é se arrepender e pedir perdão ao Pai.

Agora, arrependam-se e voltem-se para Deus, para que seus pecados sejam apagados. Então, da presença do Senhor virão tempos de renovação, e ele enviará novamente Jesus, o Cristo que lhes foi designado.

Atos 3:19

O segundo passo é se abrir para pessoas maduras, cheias do Espírito Santo, prontas para ajudar.

Portanto, confessem seus pecados uns aos outros e orem uns pelos outros para serem curados. A oração de um justo tem grande poder e produz grandes resultados.

Tiago 5:16

Persista nesse ciclo (oração + confissão) constantemente e você perceberá que a saída não está em uma campanha mensal, mas na força do Espírito Santo fluindo através do Senhor em conjunto com irmãos.

Que o Senhor seja contigo!

Aproveite:

❤️Compartilhe!
Danilo H. Gomes
Danilo H. Gomes

Danilo H. Gomes, brasileiro, é autor de obras com ênfase em autoajuda (usando como base a psicologia e filosofia) e cristianismo, atuando no mercado literário desde 2016. Possui várias obras publicadas no Brasil e também traduzidas para o inglês, espanhol, italiano e francês, disponíveis para inúmeros países ao redor do mundo.

Deixe um comentário

Entrar em contato