“Não Gosto de Orar”, Então Faça do Modo Correto

Não tenha vergonha de confessar: “não gosto de orar”. Muitos cristãos ainda não sentem prazer nesta prática tão benéfica. Seu tempo de oração pode ser muito gostoso se feito de certa maneira.

"Não gosto de orar" é o pensamento de quem ainda não entendeu exatamente como deve ser este precioso momento.

Assim como preparamos a casa para recebermos uma visita especial, precisamos também preparar um ambiente para falarmos a sós com Deus. Veremos, em três passos, como usufruir esse momento especial e desenvolver prazer por ele.

O primeiro passo é entender como o tempo de oração deve ser. Jesus nos ensina em poucas palavras o passo inicial para este tempo precioso.

Mas quando você orar, vá para seu quarto, feche a porta e ore a seu Pai, que está no secreto. Então seu Pai, que vê no secreto, o recompensará. – Mateus 6:6

Jesus nos instrui a optar pelo ambiente particular. Obviamente não precisa ser o seu quarto. Pode ser qualquer outro cômodo da casa desde que você esteja sozinho(a). É por esse motivo que chamamos de tempo de secreto essa busca “solitária” por Deus.

O segundo passo é ter a convicção de que você pode ter ousadia na presença do Pai, ou seja, pode rasgar o coração em palavras e lágrimas sem medo de ser fulminado(a) por Ele.

Portanto, irmãos, temos plena confiança para entrar no Santo dos Santos pelo sangue de Jesus. – Hebreus 10:19

O terceiro passo é opcional: organizar a sua oração. Sim, sabemos que o tempo de secreto é também um tempo de intimidade e não costumamos organizar sistematicamente nossas conversas com pessoas próximas, entretanto, a organização pode ser uma grande ferramenta motivadora para aqueles que perderam o prazer na oração.

Seu tempo de secreto pode ser dividido em três partes: adoração, petição e intercessão.

Adoração: é o tempo em que você tem total liberdade para ouvir e cantar louvores que adorem ao Senhor. Pegue seus fones de ouvido, abra seu aplicativo de músicas e escolha os louvores que te inspiram e adore juntamente com o cantor. Diga palavras de gratidão e amor ao Rei dos reis. Existe algum pai que não se alegra com as palavras de amor do filho?

Petição: é o tempo em que você pede coisas pessoais a Deus. Diante do Pai há liberdade para pedir qualquer coisa, todavia se atente para pedir aquilo que agrada ao Senhor. Você pode pedir presentes materiais – não há problema nisso – mas, mais do que materiais, peça crescimento espiritual, ou seja, mansidão, amor pelos outros, vontade de servir, etc.

Intercessão: é o tempo em que pedimos pelos outros. É muito comum encontrar cristãos que anulam essa parte. Misericórdia! Não podemos ser filhos egoístas. A Palavra nos instrui a orar por todos os irmãos (Ef 6:18). Trabalhe com uma lista de oração ou busque na memória os problemas de pessoas próximas e ore pela solução. Lembre-se também de orar pelo nosso país e pelo mundo.

***

Seguindo esses três passos, provavelmente seu tempo de secreto será mais longo e prazeroso. Alguns acreditam que faltam assuntos diante do Senhor, mas isso vai depender do que você traz à memória durante suas conversas com o Pai.

Quebrante seu coração, adore com alegria, peça tudo o que puder para o Criador de todas as coisas e clame pela vida de outros. Deus não precisa da sua oração, mas Ele a deseja. Nós sim precisamos todos os dias desse momento tão precioso e edificante. Invista nisso para que a frase “não gosto de orar” não seja mais pensada por você.

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.