Os Três Caminhos de Ataque do Inimigo

❤️Compartilhe!
YouTube video

Somos atacados diariamente, seja pelo mundo ou pelas forças espirituais que militam contra a Igreja. Diante dessa verdade, não seria sábio conhecer um pouco das estratégias inimigas? Quer ter vantagem em uma guerra? Então conheça bem o seu oponente.

O ser humano é constituído por três dimensões: corpo, alma e espírito (1Ts 5:23). Não devemos ser levianos quando tratamos sobre as maneiras que as tentações nos atingem. Esses três campos da existência humana estão disponíveis para serem atacadas… e certamente serão.

Como sabemos disso? Basta analisarmos a vida de Jesus. Ele foi tentado e atacado – com brutalidade, diga-se de passagem -, mas venceu a luta sem falhar uma vez sequer. As tentações que visitaram Jesus no deserto após o seu batismo, nos servem de guia para a reflexão deste artigo. Preste atenção:

Em seguida, Jesus foi conduzido pelo Espírito ao deserto para ser tentado pelo diabo.
Depois de passar quarenta dias e quarenta noites sem comer, teve fome. – Mateus 4:1,2

peça de xadrez marrom na superfície branca

Corpo

Conforme o capítulo 4 de Mateus, Satanás inicia os seus jogos de ataque focando no corpo e suas necessidades básicas.

O tentador veio e lhe disse: “Se você é o Filho de Deus, ordene que estas pedras se transformem em pães”.
Jesus, porém, respondeu: “As Escrituras dizem: ‘Uma pessoa não vive só de pão, mas de toda palavra que vem da boca de Deus’”. – Mateus 4:3,4

Jesus estava com fome e a Bíblia não oculta esse fato. Perceba que o inimigo aguardou os 40 dias pacientemente para, só depois, tirar esta carta da manga. Assim também somos atacados: as piores tentações surgem quando a necessidade do alívio ou prazer bate à porta.

Jesus, sabiamente, respondeu com a Palavra do Senhor que é a verdade. Sua fé foi maior do que sua fome e isso lhe trouxe a vitória. O autocontrole é um dos benefícios do fruto do Espírito (Gl 5:22, 23) e quanto mais o alimentamos, mais vitórias teremos.

Sinais de derrota nessa área: preguiça intensa, língua desenfreada, incapacidade de jejuar, pecados na área sexual, alimentação descontrolada e coisas semelhantes.

Para vencer nessa área: se encha da Palavra e do Espírito Santo, faça jejuns, alimente a fé e tenha a convicção de que a verdade é maior do que a necessidade.

Alma

Após a primeira derrota, Satanás apela para a alma.

Então o diabo o levou à cidade santa, até o ponto mais alto do templo, e disse: “Se você é o Filho de Deus, salte daqui. Pois as Escrituras dizem: ‘Ele ordenará a seus anjos que o protejam. Eles o sustentarão com as mãos, para que não machuque o pé em alguma pedra’”.
Jesus respondeu: “As Escrituras também dizem: ‘Não ponha à prova o Senhor, seu Deus’”. – Mateus 4:5-7

Perceba que a tentação se inicia com a pergunta “se você é o Filho de Deus“. Muitos ataques começam com questionamentos sutis como “será que Deus me ama?” ou “será que recebi o perdão do Senhor“, por exemplo.

Em vez de correr para a Palavra e se encher da verdade, muitos se entregam às reflexões enganosas que tais questionamentos despertam. É nesse ponto que muitos caem e se afastam do Pai.

Se Jesus obedecesse Satanás e pulasse, estaria expressando falta de fé através das ações e, como consequência, pecaria, pois sem fé é impossível agradar a Deus (Hb 11:6). Estando bem resolvido nessa questão, Jesus novamente responde ao ataque com as Escrituras Sagradas.

Os ataques inimigos nessa área tem como objetivo dominar o cristão com sentimentos negativos como: tristeza, raiva, inveja, rebeldia, inferioridade, arrogância, solidão, etc.

Sinais de derrota nessa área: longa depressão, pouca fé, identidade confusa, ansiedade, pensamentos negativos, brigas frequentes, sentimentos e pensamentos pecaminosos, falta de perdão e coisas semelhantes.

Para vencer nessa área: mergulhar na Palavra de Deus e praticar a memorização bíblica, orar diariamente, abrir o coração para irmãos na fé maduros e encher a mente com conteúdo saudável e cheio de esperança (Fp 4:8).

Espírito

O espírito é a dimensão que, enquanto viva, nos mantém ligados a Deus e a seu Reino. Caso o espírito seja desligado do Pai, haverá morte, pois somente no Senhor existe vida verdadeira e completa. O inimigo tentou oferecer outra fonte para o espírito de Jesus.

Em seguida, o diabo o levou até um monte muito alto e lhe mostrou todos os reinos do mundo e sua glória.
“Eu lhe darei tudo isto”, declarou. “Basta ajoelhar-se e adorar-me.”
“Saia daqui, Satanás!”, disse Jesus. “Pois as Escrituras dizem: ‘Adore o Senhor, seu Deus, e sirva somente a ele’.” – Mateus 4:8-10

Essa é mais uma forma de ataque. O inimigo nos oferece satisfação fora do Senhor quando tenta nos conduzir ao caminho da idolatria. O foco aqui é levar o cristão a adorar as coisas deste mundo caído (dinheiro, fama, sexo, etc.) para diminuir, entristecer (Ef 4:30) e apagar (1Ts 5:19) o Espírito Santo que dá vida ao espírito humano.

Como resposta, o mestre Jesus deixa claro quem é o alvo de sua adoração eterna e mostra que Nele não há espaço para mais nada além do amor, devoção e servidão ao Criador.

Sinais de derrota nessa área: distância do Senhor, falta de dedicação para as coisas do Reino de Deus, falta de propósito na vida (crises existenciais), medo intenso da morte e coisas semelhantes.

Para vencer nessa área: dedicação às coisas do Reino de Deus, comunhão com irmãos na fé, coração humilde para receber e entender as correções do Espírito Santo e rotina de adoração e busca ao Senhor.

Consequência

Não há dúvidas de que o inimigo e o mundo nos ataca com frequência, porém, quando blindamos as três dimensões do ser humano (corpo, alma e espírito), o inimigo reage como agiu com Jesus no deserto.

Então o diabo foi embora, e anjos vieram e serviram Jesus. – Mateus 4:11

Você pode até dizer “o inimigo está repreendido em nome de Jesus“, mas de nada adiantará se alguma área da sua vida está descuidada e de portas abertas para a entrada do mal. Que o Senhor seja contigo! Grande abraço.

Acesse o powerpoint desse artigo clicando aqui.

Aproveite:

❤️Compartilhe!
Danilo H. Gomes
Danilo H. Gomes

Danilo H. Gomes, brasileiro, é autor de obras com ênfase em autoajuda (usando como base a psicologia e filosofia) e cristianismo, atuando no mercado literário desde 2016. Possui várias obras publicadas no Brasil e também traduzidas para o inglês, espanhol, italiano e francês, disponíveis para inúmeros países ao redor do mundo.

Deixe um comentário

Entrar em contato