5 Dúvidas Comuns Sobre Namoro/Casamento

Leia gratuitamente três livros por mês através do aplicativo do autor (Android).

Seria errado continuar morando com os pais mesmo sendo casados?

A ordem do Senhor é clara, “deixará pai e mãe”. Obviamente aqui Deus não se refere ao desamparo, pois se assim fosse, teríamos que anular um dos famosos dez mandamentos dados pelo Pai a Moisés.

Honra teu pai e tua mãe, a fim de que tenhas vida longa na terra que o Senhor teu Deus te dá.

– Êxodo 20:12

No entanto, a vontade perfeita do Pai é que o casal tenha seu próprio espaço, intimidade e privacidade. Sábia ordem! Não é novidade o fato de que, a maioria dos casais que permitem a invasão de privacidade por parte dos pais, tem como resultado vários problemas conjugais.

Por essa razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e eles se tornarão uma só carne.

– Gênesis 2:24 (ênfase acrescentada)

Ficar solteiro(a) até a morte pode desagradar a Deus?

Depende. Se o plano de Deus para a sua vida é que você viva exclusivamente para a obra do Senhor e não se case, o Espírito Santo lhe mostrará claramente e os desejos carnais relacionados ao casamento serão anulados.

Gostaria que todos os homens fossem como eu [solteiro]; mas cada um tem o seu próprio dom da parte de Deus; um de um modo, outro de outro.

Digo, porém, aos solteiros e às viúvas: é bom que permaneçam como eu.

– 1 Coríntios 7:7,8

A Palavra deixa claro que, se possível, viver solteiro(a) para a glória de Deus é um bom negócio, mas o alerta para aqueles que não possuem o dom do celibato vem logo em seguida.

Mas, se não conseguem controlar-se, devem casar-se, pois é melhor casar-se do que ficar ardendo de desejo.

– 1 Coríntios 7:9

Ou seja, se há o desejo ardente de se unir a alguém, é óbvio que não está se manifestando o dom do celibato que, provavelmente, não foi dado pelo Santo Espírito.

Então podemos concluir que a vontade do Senhor é de suprir o desejo do casamento presente em seus filhos.

Então o Senhor Deus declarou: “Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e lhe corresponda”.

– Gênesis 2:18 (ênfase acrescentada)

O próprio Criador declara que estar solteiro não é bom, a não ser que o dom do celibato seja uma realidade na vida do cristão. Mas caso você esteja solteiro(a) há muito tempo e se preocupa, creia no tempo de Deus.

Para tudo há uma ocasião, e um tempo para cada propósito debaixo do céu.

– Eclesiastes 3:1

O casamento faz parte dos planos de Deus para o homem. Então se existe o desejo de casamento no coração, o Senhor se encarregará de supri-lo.

Deus quer e vai me ajudar a arrumar um(a) namorado(a)?

Se você entregar a sua vida amorosa nas mãos do Senhor e estiver disposto(a) a seguir Suas instruções, sim. A família é um projeto de Deus. Não faz sentido alegar que o Pai não conduzirá cada um de seus filhos rumo ao Seu projeto de multiplicação sobre a Terra.

Criou Deus o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.

Deus os abençoou, e lhes disse: “Sejam férteis e multipliquem-se! Encham e subjuguem a terra! Dominem sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu e sobre todos os animais que se movem pela terra”.

– Gênesis 1:27,28 (ênfase acrescentada)

Deus abençoou Noé e seus filhos, dizendo-lhes: “Sejam férteis, multipliquem-se e encham a terra”.

– Gênesis 9:1 (ênfase acrescentada)

A não ser que o Espírito Santo exerça em você o dom do celibato, a Bíblia nos deixa claro que o Senhor quer que seus filhos se multipliquem sobre o mundo e para isso, obviamente, é necessária uma família. E mesmo no caso do celibato, o Pai não deixa um filho desamparado e o insere na família da fé.

Participe agora mesmo do canal do autor no Telegram para participar dos sorteios semanais!

Não permita que na sua mente perambule a ilusão de que você nunca constituirá uma família, pois este é o projeto do Senhor para o ser humano. O Pai não permitirá que você fique fora deste projeto, pois você faz parte dos planos Dele assim como todos os outros seguidores de Cristo.

Deus dá um lar aos solitários, liberta os presos para a prosperidade, mas os rebeldes vivem em terra árida.

– Salmos 68:6

Deus tem alguém especial para mim?

Em Mateus, capítulo 6, vemos Jesus nos garantindo que Deus cuida de todos os caminhos da vida de seus filhos. Coisas básicas como o que comer, o que beber e o que vestir, são providenciadas pelo Senhor. A vida amorosa não fica de fora neste caso.

Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas.

– Mateus 6:33 (ênfase acrescentada)

A personalidade de Deus é atemporal. O Senhor não tem variações de personalidade. Ele é o mesmo hoje e para sempre será.

Jesus Cristo [Deus] é o mesmo, ontem, hoje e para sempre.

– Hebreus 13:8

Partindo desta ideia, analisemos o caso de Isaque e Rebeca. Abraão, já velho (conforme Gênesis 24), estava preocupado com a vida amorosa de seu filho Isaque e queria que Deus mostrasse uma companheira idônea para seu filho. Para isso, contou com a ajuda de um de seus servos.

Abraão já era velho, de idade bem avançada, e o Senhor em tudo o abençoara.

Disse ele ao servo mais velho de sua casa, que era o responsável por tudo quanto tinha: “Ponha a mão debaixo da minha coxa e jure pelo Senhor, o Deus dos céus e o Deus da terra, que não buscará mulher para meu filho entre as filhas dos cananeus, no meio dos quais estou vivendo, mas irá à minha terra e buscará entre os meus parentes uma mulher para meu filho Isaque”.

– Gênesis 24:1-4

O servo, temeroso por Abraão, decide clamar por Deus. Diante de tamanho desafio, pediu que o Senhor revelasse, através de circunstâncias, a mulher ideal para Isaque.

[O servo orou] Concede que a jovem a quem eu disser: ‘Por favor, incline o seu cântaro e dê-me de beber’, e ela me responder: ‘Bebe; também darei água aos teus camelos’, seja essa a que escolheste para teu servo Isaque. Saberei assim que foste bondoso com o meu senhor”.

Antes que ele terminasse de orar, surgiu Rebeca, filha de Betuel, filho de Milca, mulher de Naor, irmão de Abraão, trazendo no ombro o seu cântaro.

A jovem era muito bonita e virgem; nenhum homem tivera relações com ela. Rebeca desceu à fonte, encheu seu cântaro e voltou. O servo apressou-se ao encontro dela e disse: “Por favor, dê-me um pouco de água do seu cântaro”.

“Beba, meu senhor”, disse ela, e tirou rapidamente dos ombros o cântaro e o serviu. Depois que lhe deu de beber, disse: “Tirarei água também para os seus camelos até saciá-los”.

– Gênesis 24:14-19

Note novamente o trecho “seja essa a que escolheste para teu servo Isaque”. O mesmo Deus da época de Abraão é o mesmo Deus dos tempos atuais. Se colocarmos a vida amorosa nas mãos Dele, Ele escolherá alguém conforme a sua vontade.

Se Deus pode escolher, então por que tantos casamentos acabam?

A vontade do Senhor é perfeita e imutável, mas a do ser humano não. Deus pode te abençoar dando a você uma casa maravilhosa. No entanto, se você se afundar em dívidas e der a própria casa como garantia de quitação e porventura não honrar o compromisso, Deus não poderá ser culpado pela perda do imóvel.

O mesmo se aplica ao homem. O Senhor pode abençoar um filho com o casamento mais agradável do planeta, todavia se não houver cuidado diário e sabedoria, o casamento pode se tornar um caos.

Também vale ressaltar a hipótese de uma escolha errada. Se o casal de namorados colocar o futuro casamento diante do Senhor com o coração sincero, talvez do alto possa vir uma resposta negativa. Sim, se Deus quiser, pode se posicionar contra uma união aparentemente bela.

O coração é mais enganoso que qualquer outra coisa e sua doença é incurável. Quem é capaz de compreendê-lo?

– Jeremias 17:9

Mesmo diante de uma resposta negativa por parte de Deus, muitas pessoas optam por tomar as próprias decisões. Um casamento fora da vontade do Senhor pode ser uma destas escolhas. Sendo assim, se o indivíduo opta pelo casamento que quer sem consultar e obedecer a Deus, deve depois arcar com a escolha errada que fez.

Trechos do Livro: O que a Bíblia diz sobre: Namoro e Casamento

Conheça os testes gratuitos para descobrir seu temperamento, medir sua ansiedade, etc.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *