Cuidar da Própria Vida Faz Bem

❤️Compartilhe!
YouTube video

As pessoas geralmente adoram vasculhar as vidas alheias e palpitar. O tempo ocioso é o grande causador desse comportamento destrutivo na maioria dos casos. Os viciados em cuidar da vida dos outros sentem prazer por um lado e tristeza por outro, pois saciam a curiosidade, mas vivem presos no hábito da comparação. Você tem esse hábito? Suas tristezas podem nascer através dele. Saiba mais agora.

Mandamento Bíblico

⁴ Cada um preste muita atenção em seu trabalho, pois então terá a satisfação de havê-lo feito bem e não precisará se comparar com os outros.
⁵ Porque cada um de nós é responsável pela própria conduta.

Gálatas 6:4,5

Esse trecho bíblico tão precioso raramente é encontrado em sermões populares da atualidade. A realidade é que o ser humano nunca foi tão bisbilhoteiro quanto hoje em dia. Duvida? Vide as redes sociais. Quantas pessoas passam horas e horas vasculhando a vida de outras pessoas? Antes da internet, as novidades sobre a vizinhança não eram tão acessíveis.

O que Paulo está dizendo em Gálatas 6:4,5 basicamente é: “se empenhe pelo trabalho designado a você a ponto de não restar tempo ou energia para se comparar com os outros“. Forte, não?

Para se comparar com outras pessoas, é preciso ceder à curiosidade e observar a vida alheia. É justamente isso que as Escrituras condenam nos versos citados acima. O Senhor quer ver você trabalhando com afinco, olhando para o próprio trabalho. Se comparando, você cairá no pecado da arrogância ou sua autoestima será fortemente afetada. Ambos resultados são prejudiciais.

E o Cuidado Para Com o Próximo?

Pode ser que alguém argumente: “se não devo observar o trabalho dos outros, como poderei cuidar do meu próximo, conforme as ordenanças de Cristo?“.

O cuidado é puro e guiado exclusivamente pelo amor. Cuidamos de uma vida preciosa para nós, não por curiosidade, mas sim por amor. Além disso, o cuidado não envolve comparações. Qualquer medição deve ser feita conforme a Palavra de Deus. Por isso, parâmetros humanos são dispensáveis (exceto quando utilizamos bons testemunhos de vida).

Portanto, uma pessoa que realmente cuida do próximo não diz frases como “por que ele pode e eu não?“, “aquela pessoa recebeu reconhecimento e eu não” ou “eu sou melhor/pior do que ele(a)“.


Olhar para os lados para vasculhar o trabalho alheio, juntamente com o hábito da comparação, certamente nos fará cair em hipocrisia. Ninguém é perfeito. O pecado que você aponta é tão grave quanto os inúmeros pecados que você comete contra Deus diariamente.

Sendo assim, abaixe seu dedo indicador. Pare de apontá-lo para os outros quando ainda há tanto trabalho para se fazer nesta Terra. Pergunte-se todos os dias:

O que posso fazer para ser uma pessoa melhor hoje? O que posso fazer para trabalhar melhor para Deus?

³⁷ [Jesus] disse aos discípulos: “A colheita é grande, mas os trabalhadores são poucos.
³⁸ Orem ao Senhor da colheita; peçam que ele envie mais trabalhadores para seus campos”.

Mateus 9:37,38

Aproveite:

❤️Compartilhe!
Danilo H. Gomes
Danilo H. Gomes

Danilo H. Gomes, brasileiro, é autor de obras com ênfase em autoajuda (usando como base a psicologia e filosofia) e cristianismo, atuando no mercado literário desde 2016. Possui várias obras publicadas no Brasil e também traduzidas para o inglês, espanhol, italiano e francês, disponíveis para inúmeros países ao redor do mundo.

Deixe um comentário

Entrar em contato